Spcine Play exibe títulos do É Tudo Verdade em paralelo ao festival

Guilherme MarianoNotíciasLeave a Comment

A 24ª edição do É Tudo Verdade inaugura sua programação, em 4 de abril, com uma novidade. A SpcinePlay, plataforma de streaming da empresa paulistana, vai disponibilizar dez filmes do festival ao mesmo tempo em que ele acontece em salas de cinema de São Paulo, entre 4 e 14 de abril, e do Rio de Janeiro, entre 8 e 14 de abril. É a primeira vez que o conteúdo do É Tudo Verdade pode ser visto concomitantemente em um ambiente digital e com acesso em todo o Brasil.

Entre os títulos estão os longas “Carta a Theo”, uma homenagem ao cineasta grego Theo Angelopoulos, morto após ser atropelado por uma moto no set de filmagem, e “Marceline. Uma Mulher. Um século”, que retrata a vida de uma escritora e cineasta francesa sobrevivente do Holocausto. A plataforma também disponibiliza oito obras que estão na Competição Internacional de Curtas. Desta modalidade, sai a lista de curtas-metragens que serão examinados para a disputa do Oscar do ano que vem. Destaque para “2001 – Faíscas na Escuridão”, que usa técnicas de animação para recriar uma entrevista de Stanley Kubrick sobre o lançamento de seu maior clássico, “Na Nossa Casa”, sobre duas famílias de Barcelona que decidiram abrir suas postas para refugiados, e “Nove Cinco”, uma reflexão sobre o maior terremoto da história, que assolou o Chile em 1960. Os títulos permanecem na Spcine Play por um mês, até 4 de maio. O acesso é gratuito.

Circuito Spcine também marca presença na grade oficial. A sala Spcine Paulo Emilio, no Centro Cultural São Paulo, exibe cerca de 20 títulos, entre os quais “Piazzolla: Os Anos do Tubarão”, sobre o ícone da música argentina, “Hungria 2018 – Bastidores da Democracia”, que acompanha os bastidores das eleições do país europeu, e “Mike Wallace Está Aqui”, premiado documentário que conta a história do temido apresentador do programa “60 Minutos”.

A programação do É Tudo Verdade é inteiramente gratuita e pode ser acessada no site do evento: www.etudoverdade.com.br.

SERVIÇO:

Spcine Play

Acesso em www.spcineplay.com.br

Filmes disponíveis gratuitamente a partir de 4/abril

Carta a Theo, de Elodie Lélu

Marceline. Uma Mulher. Um Século, de Cordelia Dvorák

2001 – Faíscas na Escuridão, de Pedro González Bermúdez

O Costureiro Debaixo da Ponte, de Banpark Jieun

As Instruções, de Filip Drzewiecki

Lily, de Adrienne Gruben

O Mar Enrola na Areia, de Catarina Mourão

Na Boca da Mina, de Brandán Cerviño

Na Nossa Casa, de Iban Colón

Nove Cinco, de Tomás Arcos

Sala Spcine Paulo Emilio – Centro Cultural São Paulo

Rua Vergueiro, 1000

Todas as sessões são gratuitas

4/abril, às 17h (Carta a Theo), 19h (Reconstruindo Utoya) | 5/abril, às 17h (Piazzolla: Os Anos do Tubarão), 19h (Hungria 2018 – Bastidores da Democracia) | 6/abril, às 15h (Mike Wallace Está Aqui), 17h (Encontrando Gorbachev), 19h (Marceline. Uma Mulher. Um Século) | 7/abril, às 17h (Ziva Postec. A Montadora por trás do Filme Shoah), 19h (Maria Luiza) | 9/abril, às 17h (Defensora), 19h (Testemunhas de Putin) | 10/abril, às 17h (Retrato Chinês), 19h (O Caso Hammarskjöld) | 11/abril, às 17h (Agora Algo Está Mudando Lentamente), 19h (A Beira) | 12/abril, às 17h (Maricarmen), 19h (Meu Amigo Fela) | 13/abril, às 15h (Piazzolla: Os Anos do Tubarão), 17h (Está Tudo Bem), 19h (A Arrancada) | 14/abril, às 17h (Hoje e Não Amanhã), 19h (A Liberdade é uma Palavra)

Confira sinopses e fichas técnicas no site do É Tudo Verdade: www.etudoverdade.com.br.

Compartilhe

Deixe uma resposta