SPCINE MARCA PRESENÇA NO RIO2C COM ESTANDE, AÇÃO DA SPCINE PLAY E MESA SOBRE MULHERES NO AUDIOVISUAL

Guilherme MarianoNotíciasLeave a Comment

Até 28 de abril, a Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, sedia mais uma edição do Rio2C, o maior encontro de criatividade e inovação da América Latina. E a Spcine, mais uma vez, tem presença confirmada na programação.

O primeiro destaque é o estande da empresa paulistana. Localizado no primeiro piso, ele é a referência para quem quer conhecer mais detalhes da Spcine, suas novidades e projetos. No espaço, uma TV exibe um vídeo campanha da São Paulo Film Commission, área que gerencia os pedidos de filmagem na cidade.

É lá também que, ao longo dos dias 24, 25 e 26 de abril, a Spcine Play se reúne com realizadores e detentores de direitos de exibição de obras seriadas para negociar a aquisição de novos conteúdos na plataforma streaming. O foco são séries relevantes que estão disponíveis novamente para licenciamento.

Programação Rio2C

A Spcine também tem participação nas mesas de debate do evento. A primeira atividade é a abertura das inscrições para a 2ª edição do programa “M-V-F- Future Talents by Spcine”. Acontece em 24 de abril, às 14h30, no Lounge da Música, e vai escolher quatro talentos femininos do audiovisual para produzir um clipe oficial da cantora Duda Beat. Participam da mesa Laís Bodanzky, diretora-presidente da Spcine; Lia Vissotto, sócia-fundadora da Cinnamon Comunicação; Duda Leite, cineasta, jornalista e curador; e a própria cantora Duda Beat.

No mesmo dia (24), às 17h, na sala Brazilian Content, a diretora-presidente da Spcine integra uma mesa de debate sobre mulheres no audiovisual. Também participam Barbara Sturm, diretora de conteúdo da Elo Company; Mariana Youssef, diretora da Paranoid e embaixadora brasileira do movimento Free the Bid; Débora Ivanov, diretora da Ancine; e Solange Cruz, representante no Brasil da WAWA (Worldwide Audiovisual Women’s Association), e Malu Andrade, Head of Academic Quality na EBAC (Escola Britânica de Artes Criativas).

Em 26 de abril, às 14h, também na Sala Brazilian Content, Daniel Celli, coordenador da São Paulo Film Commission, considerada a segunda mais relevante da América Latina, fala sobre o papel do setor na companhia de coordenadores de outras film commissions brasileiras, como Denise Holleben (representante da Film Commission de Bento Gonçalves), Paulo Salvi (Garibaldi Film Commission) e Tânia Pinta (Rio Film Commission). O produtor de cinema e sócio da Ocean Films, João Roni, faz a mediação.

Na ocasião, será anunciada a nova versão do aplicativo da São Paulo Film Commission. Que, a partir da data, se chamará “Filme SP”, vai disponibilizar um link direto para o sistema de solicitação de filmagens e trará o selo “Filme SP”, dedicado às locações mais amigáveis ao audiovisual. Outra funcionalidade é a seção “Filmado Aqui”, onde será possível ver algumas das filmagens que passaram por uma determinada locação.

Foi na edição de 2017, quando o evento ainda se chamava apenas RioContentMarket, que a São Paulo Film Commission lançou oficialmente a primeira versão do aplicativo.

Compartilhe

Deixe uma resposta