Sampa Criativa: inscrições prorrogadas para jovens talentos

Guilherme MarianoDestaque, NotíciasLeave a Comment

Foram prorrogadas até 16/8 as inscrições para o Sampa Criativa, programa focado na formação empreendedora de jovens talentos do audiovisual e da economia criativa. A ação é uma parceria da Spcine com a Secretaria Municipal do Trabalho e Empreendedorismo.

“A economia criativa é um dos setores que mais pulsa e estimula novos negócios no Brasil e no mundo. Por isso apostamos nele e, claro, no jovem talento, que terá a chance de mergulhar fundo em diversas experiências teóricas e práticas”, conta Renato Nery, diretor-executivo da Spcine.

Podem participar jovens de 16 a 29 anos de idade e que tenham experiência comprovada no setor. É válida a presença em oficinas, workshops e palestras, assim como formação em cursos técnicos, de graduação, pós-graduação, entre outras categorias acadêmicas.

O processo seletivo selecionará para o primeiro módulo 200 pessoas por meio de sorteio público que levará em conta reserva de vagas para candidatos residentes em distritos com maior vulnerabilidade social e equidade de gênero, com homens e mulheres (cis e transgêneros) ocupando o mesmo número de vagas. Acesse a íntegra do edital.

O programa é composto por três módulos. No primeiro, intitulado geral, os jovens – 200 ao todo – participam de um processo de formação teórica com foco em empreendedorismo no audiovisual e em gestão de projetos culturais. As oficinas têm duração de 40 horas e acontecem no Senac Lapa Scipião (Rua Scipião, 67, Vila Romana) entre 1º de outubro a 12 de novembro. O corpo docente será composto por professores da instituição e especialistas da área criativa.

Na segunda etapa, a ser realizada​ depois do módulo geral, os 200 participantes se dividem em oito grupos de 25 alunos de acordo com os eixos temáticos do programa: jogos digitais/games, desenvolvimento de aplicativos, animação, conteúdos interativos, produção para canais de internet, videomusical, jornalismo investigativo e realidade virtual. As turmas terão 80 horas de aulas sobre os temas com profissionais de empresas do setor, previamente selecionadas pelo programa.

Por fim, será realizado o módulo prático, momento em que os jovens têm a chance de participar de experiências práticas por pelo menos três meses em uma das empresas parceiras do Sampa Criativa. O processo seletivo será de responsabilidade da própria empresa e da instituição pedagógica contratada pelo programa. Serão ofertadas  aproximadamente 30 vagas remuneradas, divididas em grupos de quatro jovens por empresa. Além disso, os jovens poderão se candidatar para mentorias de desenvolvimento de seus próprios projetos culturais e/ou empreendimentos criativos. ​

“Além da sua proposta em formar tecnicamente potenciais profissionais da economia criativa, o Sampa Criativa também quer direcioná-los para o mercado. Por isso a importância desta última etapa, que fecha o ciclo da política pública”, conclui Nery.

Sampa Cine Tec

Uma das referências para o programa foi o Sampa Cine Tec. Criado também em parceria com a Secretaria Municipal do Trabalho e Empreendedorismo, ele tinha o mesmo propósito: dar formação técnica a jovens talentos do audiovisual e oferecer experiências práticas na área. O balanço final das atividades, encerradas em dezembro de 2017, foi positivo: 74 participantes, mais de 30 empresas envolvidas, 14 meses de trabalho e 27 jovens contratados por produtoras.

Compartilhe

Deixe uma resposta