Spcine investe R$ 1,48 milhão na produção de games autorais

spcineedital3 Comments

Estão abertas as inscrições para o Edital de Produção de Games. Com investimento total de R$ 1,48 milhão, o concurso vai selecionar 16 jogos autorais feitos por desenvolvedores residentes na capital paulista. O processo termina em 11 de novembro.

O edital está dividido em duas categorias. A primeira disponibiliza oito vagas para criadores autônomos, sem a necessidade de estar vinculado a uma empresa do segmento. Cada projeto selecionado pode receber até R$ 35 mil para desenvolver o jogo. Já a segunda, também com oito vagas, é voltada exclusivamente para estúdios de games. Neste caso, o investimento por projeto é de R$ 150 mil.

Para participar da seletiva, os inscritos devem fazer login no site do SP Cultura e anexar o currículo e um “game doc” (projeto de desenvolvimento do jogo em formato de texto) na página do concurso.

Um júri especializado ficará incumbido de escolher os 32 melhores projetos. Na sequência, haverá um pitching que indicará os 16 vencedores.

O programa vem sendo discutido com o setor, tanto em eventos como o BIG Festival e o SPIN como em reuniões com instituições como a ABRAGAMES e a Ancine. Entre os objetivos da iniciativa estão aumentar a oferta de games brasileiros no mercado e ampliar a participação brasileira no eixo de produção – uma vez que o Brasil figura entre os maiores consumidores do mundo, porém os que menos produzem em escala industrial.

Resumo

Linha 1: Voltado para estudantes, game devs iniciantes e até entusiastas, desde que pessoas físicas. O foco são os jogos experimentais/autorais que apresentam inovações tecnológicas e/ou artísticas e/ou aborda questões sociais e culturais. Quanto aos formatos, serão aceitos webgames, games para plataformas mobile, arte digital interativa, protótipos para games maiores, entre outros. Trata-se de uma linha de fundo perdido, ou seja, a Spcine não participa do lucro da comercial da obra.

Valor do aporte: R$ 35 mil por projeto | Vagas: 8

Linha 2: Voltado para estúdios de games (pessoa jurídica). O foco são os jogos comerciais de médio porte. Nesta categoria, serão avaliados o currículo da empresa e o modelo de negócios. O tema e a plataforma são livres, exatamente como na linha anterior. O aporte da Spcine, neste caso, prevê retorno de 30% da renda líquida do desenvolvedor até o break-even do valor investido no projeto ou um ano, o que surgir primeiro.

Valor do aporte: R$ 150 mil por projeto | Vagas: 8

Para se inscrever, clique aqui.

Compartilhe

3 Comments on “Spcine investe R$ 1,48 milhão na produção de games autorais”

  1. Pingback: Ariel Velloso (Spcine) - Entenda o edital de produção de games - Indústria de Jogos

  2. Pingback: Como microempresas brasileiras sobrevivem no mercado de games - Compartilhe Online

  3. Pingback: Como microempresas brasileiras sobrevivem no mercado de games – SuperPosts

Deixe uma resposta