Circuito Spcine faz retrospectiva com filmes clássicos do Oscar

Guilherme MarianoNotíciasLeave a Comment

Para esquentar os motores do Oscar, cuja próxima edição acontece em 24 de fevereiro, o Circuito Spcine exibe, até 20/2, uma seleção de filmes premiados em edições anteriores do evento.

A retrospectiva resgata os títulos Rocky, um lutadorCasablancaO silêncio dos inocentesKramer versus Kramer Um estranho no ninho.

As sessões serão realizadas dentro da Quarta na Faixa, programação especial do Circuito dedicada a filmes clássicos. Sempre às quartas-feiras, às 19h, na Biblioteca Roberto Santos (Rua Cisplatina, 505, Ipiranga).

SERVIÇO:

Quarta na faixa – Retrospectiva com filmes premiados no Oscar
Sala Spcine Roberto Santos, na Biblioteca Roberto Santos (Rua Cisplatina, 505, Ipiranga)
23 e 30/1, e 6, 13 e 20/2, às 19h

SINOPSES E CURIOSIDADES:

23/1: Rocky, um lutador (1977) | Direção: John G. Avildsen

O drama conta a história de Rocky Balboa, um lutador que trabalha como cobrador de agiotas, que tem a chance de enfrentar Apollo Creed, o campeão de pesos-pesados.

– O filme foi gravado em apenas 28 dias e a um custa um custo de pouco mais de US$ 1 milhão;

– Stallone ganhou indicações para o Oscar (1977) de ator e roteiro original, e o longa levou três estatuetas: melhor filme, diretor e montagem;

– Além de marcar o mundo cinematográfico, o filme foi a disparada da carreira de Sylvester Stallone.


30/1: Casablanca (1942) | Direção: Michael Curtiz

Durante a Segunda Guerra Mundial, muitos fugitivos tentavam escapar dos nazistas por uma rota que passava pela cidade de Casablanca. É lá que Rick (Humphrey Bogart) vai reencontrar Ilsa (Ingrid Bergman), anos depois de terem se apaixonado e se perdido em Paris.

– Recebeu oito indicações ao Oscar de 1944 e conquistou as estatuetas de melhor filme, melhor roteiro adaptado e melhor diretor;

– O longa-metragem foi lançado em plena Segunda Guerra Mundial.


6/2: O silêncio dos inocentes (1991) | Direção: Jonathan Demme

Clarice Starling (Jodie Foster), agente novata do FBI, procura por um assassino que ataca mulheres jovens e depois retira suas peles. Para construir o perfil psicológico deste psicopata, recorre à ajuda de um assassino preso que agia de forma semelhante.

– Ganhou OSCAR de Melhor Filme, Melhor Diretor – Jonathan Demme, Melhor Ator – Anthony Hopkins, Melhor Atriz – Jodie Foster e Melhor Roteiro Adaptado;

– Vencedor do prêmio Urso de Prata na categoria de Melhor Diretor (Jonathan Demme) no Festival de Berlim de 1991.


13/2: Kramer versus Kramer (1979) | Direção: Robert Benton

Ted Kramer (Dustin Hoffman) é um profissional para quem o trabalho vem antes da família. Joanna (Meryl Streep), sua mulher, não pode mais suportar esta situação e sai de casa, deixando Billy (Justin Henry), o filho do casal. Quando Ted consegue finalmente ajustar seu trabalho às novas responsabilidades, Joanna reaparece exigindo a guarda da criança.

– O filme venceu o Oscar (1980) em cinco categorias: melhor filme, melhor diretor, melhor ator (Dustin Hoffman), melhor atriz coadjuvante (Meryl Streep) e melhor roteiro adaptado.


20/2: Um estranho no ninho (1976) | Direção: Milos Forman

Randle Patrick (Jack Nicholson), um prisioneiro, simula estar insano para não trabalhar e vai para uma instituição para doentes mentais. Lá estimula os internos a se revoltarem contra as rígidas normas impostas pela enfermeira-chefe.


– Ganhou o Oscar (1976) de Melhor Filme: Michael Douglas e Saul Zaentz, Melhor Diretor – Milos Forman, Melhor Ator – Jack Nicholson, Melhor Atriz – Louise Fletcher,

Melhor Ator Coadjuvante – Brad Dourif, Melhor Roteiro Adaptado – Lawrence Hauben e Bo Goldman.  

Compartilhe

Deixe uma resposta